Haikai de Setembro

Os sapatos verdes

dormem na filosofia

enquanto a casa vagueia.

A casa.

Itinerário

Para Patrícia

Os muros da cidade

as pedras, as escadas.

Os murros da cidade,

as perdas, as estradas.

Sussurros, as idades,

as heras, as fadas.

Os escuros, claridades,

as feras, pegadas.

Os estudos, as novidades,

as eras, os nadas.

O tudo que é o dar-se,

as veras auroras.

Os muitos, as marcas,

as serras, os vales.

Os anos, as veredas:

os cinco do princípio,

os três em que são dois.

O todo, o caminho.